CNV realiza ato para relembrar a repressão aos trabalhadores no Rio de Janeiro

O Grupo de Trabalho “Ditadura e Repressão aos Trabalhadores e ao Movimento Sindical”, da Comissão Nacional da Verdade, em conjunto com a Comissão Estadual da Verdade do Rio (CEV-Rio), realizará, na próxima quinta-feira (28), na sede da Central Única dos Trabalhadores, Ato Unitário no Rio de Janeiro, com o intuito de relembrar a resistência de sindicatos e trabalhadores à perseguição e repressão sofridas durante a Ditadura Militar.

Folder da Atividade

Folder da Atividade

Os atos unitários têm sido organizados em diferentes regiões do Brasil, com a participação de representantes de todas as centrais sindicais que integram o GT, com o objetivo de dar voz aos integrantes de organizações trabalhistas perseguidas e seus familiares. Durante o regime militar, diversas organizações sindicais, que lutavam e se articulavam para garantir seus direitos, e que ao mesmo tempo ganhavam força no cenário político do país, foram reprimidas e perseguidas.

O Rio de Janeiro concentrava cerca de 80% das estatais do país e, durante a ditadura, foi um dos estados que mais sofreu com a repressão aos trabalhadores sindicalizados. Os funcionários eram monitorados pelas Assessorias de Segurança e Informação (ASIs), que vigiavam os movimentos trabalhistas dentro das fábricas e empresas, o que causou demissões em massa, aposentadorias compulsórias, impossibilidade de se obter promoções no trabalho, além de prisões, torturas, desaparecimentos e mortes.

O Ato no Rio de Janeiro contará com os testemunhos de oito trabalhadores, representando sete categorias atingidas durante a ditadura militar no estado do Rio de Janeiro. São eles: Vagner Barcelos (metalúrgico da Companhia Siderúrgica Nacional – CSN); José Werneck (ferroviário); João Baptista Quincas Filho, o Tuca (portuário); Francisco Soriano (petroleiro); Mario Macaco (Correios); Nilton Domingues Pedrosa (gráfico); Nilson Carneiro (metalúrgico da Fábrica Nacional de Motores – FNM) e Ronald Barata (bancário).

Também estarão presentes a advogada Rosa Cardoso, coordenadora do GT Trabalhadores da CNV, e Geraldo Cândido, membro da Comissão Estadual da Verdade do Rio de Janeiro. O evento será transmitido ao vivo pela CNV, no endereço: www.cnv.gov.br/aovivo 

SERVIÇO

Ato Sindical Unitário no Rio de Janeiro
Quando: Quinta, 28 de agosto de 2014
Horário: 10h
Onde: Auditório da CUT – RJ
Endereço: Av. Presidente Vargas, 502 – 15º andar – Centro, Rio de Janeiro
Transmissão ao vivo: http://www.cnv.gov.br/aovivo

Anúncios